18 de junho de 2008

Kibe Loco cria sessão para tentar dissociar sua imagem de plágios

Todos sabem que o Kibe tem um gigante histórico de supostos plágios e kibadas na internet. Não é a toa que este verbo, "kibar", fora criado especialmente para exemplificar esta prática que ele lançou na internet: pegar a idéia ou imagem de alguém, estampar seu logotipo em cima e fingir que foi o autor original da idéia. De uns tempos pra cá, ele lançou a sessão "oito pecados", em que mostra plágios e imitações em geral, de vídeos de clipes, de programas, etc. Qual o obejtivo disso ? Será que ele ficou "bonzinho" ? Não. Creio que seja apenas uma tática para tentar dissociar/ desassociar sua imagem a longo prazo das suas kibadas e imitações que o tornaram conhecido como o maior plagiador da internet no Brasil.

(clique na imagem para ampliá-la)

Essa sessão é publicidade pura. Tantativa de resgatar a imagem do Tabet (Kibe Loco). Não acredite em tudo que vê pela frente.

2 comentários:

ЯӨβIИHØ disse...

Nem acho que essa seja a intenção dele.

Talvez não haja intenção alguma, mas fica escroto demais um cara conhecido como o maior plagiador do Brasil acusando os publicitários de plágio.

Acho que o senhor toninho kibador deveria procurar mudar seus habitos primeiro, para depois quem sabe, tentar construir uma moral para ter possibilidade de criticar os outros.

Acho dificil.

Luís disse...

Discordo do termo polido, afinal não seria um "suposto" plágio, já que vocês colocam evidências, se você for nos sites está ali sem nenhuma alteração.
Mas é isso aí, curto esse tipo de denúncia e alerta sobre o bom jornalismo (pelo menos até alguma grande empresa me contratar).